4 motivos da dor ao trabalhar sentado

1 – Encurvamento da coluna lombar

A coluna é outra vítima recorrente dos vícios posturais e uma das mais frequentes causas de dor ao trabalhar sentado. Ao passar o dia sentado, há maior a chance de sua coluna “deslizar” pela cadeira ou se inclinar para a frente, ficando “corcunda”. Essa flexão é bastante prejudicial para a coluna vertebral.

curvatura da coluna ao trabalhar sentado

2 – Sobrecarga sobre o quadril

Outras áreas também sofrem com o mau hábito de passar o dia sentado por muito tempo sem intervalos. O quadril é uma delas. Quem gosta de ficar com a perna cruzada, por exemplo, deixando uma perna relaxada sobre a outra, gera uma sobrecarga no quadril.

Um dos possíveis efeitos é o aparecimento de dor ao trabalhar sentado na região do glúteo. Ela pode irradiar pela perna, lembrando a sensação de quando o nervo ciático está inflamado ou comprimido.

3 – Redução da flexibilidade muscular do quadril

Uma consequência é o encurtamento dos músculos do quadril. Mais comum nos homens e reduz a mobilidade do quadril. Isso faz com que fique limitado em alguns movimentos e provoque dor ao trabalhar sentado.

encurtamento do quadril ao trabalhar sentado

Pessoas que trabalham muito tempo sentadas ou que dormem de lado com os quadris flexionados (com os joelhos perto do peito) aumentam ainda mais esse encurtamento, pois o músculo nunca é submetido a um alongamento.

=> Melhorar o alongamento dos músculos do quadril

=> Cuidados que deve ter ao trabalhar sentado

4 – Compressão no joelho e estiramento no tornozelo

Quando estamos sentados, o simples fato de o joelho ficar dobrado já exerce uma pressão sobre a cartilagem articular que reveste as estruturas ósseas do local. Além disso, ocorre estiramento dos ligamentos do tornozelo.

Dor ao trabalhar sentado por muito tempo

Algumas dicas para evitar dor ao trabalhar sentado

  • No caso dos joelhos, o ideal é que eles fiquem flexionados num ângulo de aproximadamente 45 graus, ou seja, levemente esticados. Assim, a pressão sobre a articulação é menor do que se eles estivessem dobrados a 90 graus ou mais.
  • A dica dos joelhos, porém, deve ser acompanhada de um cuidado com tornozelos e pés. Como o indicado é que a planta dos pés esteja sempre totalmente apoiada. Ao deixar os joelhos flexionados em 45 graus será necessário um apoio para os pés com a mesma inclinação, como se fosse uma pequena rampa. Assim, você garante plantas apoiadas sem forçar os tornozelos.
  • Para a coluna, prefira cadeiras que ofereçam encosto para toda a extensão das costas. Além disso, uma pequena almofada ou apoio na altura da lombar ajudam a diminuir a pressão na região.
  • Altura da cadeira: é importante que o quadril esteja na mesma altura do joelho.
  • Por último, uma simples e rápida caminhada durante o trabalho já traz benefícios ao seu corpo. Levantar da cadeira nem que seja para ir até a mesa do colega de trabalho já é suficiente para aliviar aquela pressão sobre suas articulações. 
  • Veja mais em ergonomia no trabalho para evitar dor ao trabalhar sentado >

Referências

Compartilhe a informação
Coluna-Brasília
Coluna-Brasília

Clínica Salus Ortopedia, Fisioterapia e Acupuntura em Brasília-DF, atua principalmente no tratamento da dor e afecções da coluna. Preconizamos o tratamento conservador e medidas sem cirurgia com enfoque na reabilitação muscular e postural, através de protocolos exclusivos. Temos médicos e fisioterapeutas especialistas.

No Comments

Escreva uma Mensagem ou Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *